Alimentação saudável é forte aliada na prevenção e controle da diabetes

3


Há três anos, o servidor público Edson Vieira da Conceição, 62, não se preocupava com o estilo de vida que levava. Além de ser sedentário, na sua alimentação era comum o consumo de refrigerantes, doces e alimentos gordurosos. Mas tudo isso precisou mudar quando foi diagnosticado com diabetes tipo 2, aos 59 anos de idade. Para controlar a doença que afeta mais de 16 milhões de brasileiros, segundo o Ministério da Saúde, Edson mudou sua alimentação e adotou a prática de atividade física regularmente, além de tomar medicamentos orais duas vezes ao dia.

“Para conviver com a diabetes é preciso ter disciplina, fazer exercícios físicos, tomar as medicações todos os dias, evitar o açúcar e quando consumir alimentos doces, deve ser de forma equilibrada, sem exagerar”, explica Edson Viera, servidor público do Instituto de Assistência dos Servidores do Estado do Pará (Iasep).

De acordo com o clínico geral Jorge José Faro, a diabetes é uma doença silenciosa que se não for diagnosticada no início pode desencadear uma série de complicações para o paciente, causando a perda da visão, insuficiência renal, problemas cardiovasculares, neurológicos, amputação de membros inferiores, entre outras.

O médico explica que a doença surge quando o corpo não produz insulina ou não consegue empregar adequadamente a insulina produzida, elevando o nível de açúcar no sangue (hiperglicemia). A falta de exercício físico, a obesidade e a má alimentação são os principais fatores que podem levar ao aparecimento da doença.

A Federação Internacional de Diabetes estima que em 2030 haverá cerca de 552 milhões de pessoas com diabetes no mundo e a causa de morte deve chegar a 3,8 milhões por ano. Isso se deve principalmente ao estilo de vida da população.

Segundo o médico Jorge Faro, existem diversos tipos da doença. A diabetes tipo 1 se dá quando o pâncreas produz pouca ou nenhuma insulina, como resultado, a glicose permanece no sangue, em vez de ser usada como energia. É mais frequente na infância e adolescência e o tratamento exige aplicação de injeções diárias de insulina.

A diabetes tipo 2 surge quando o organismo tem dificuldade para usar a insulina produzida ou a quantidade não é suficiente para controlar a taxa de glicemia. Segundo a Associação Brasileira de Diabetes, cerca de 90% das pessoas diagnosticadas com diabetes têm esse tipo da doença, que dependendo da gravidade pode ser controlada através da atividade física, alimentação saudável e o tratamento medicamentoso. Outro tipo é a diabetes gestacional, que se manifesta na gravidez, em geral pelo excesso de peso da mãe, que acarreta resistência à ação da insulina.

De acordo com o Ministério da Saúde, apesar de não haver cura para a diabetes, a doença pode ser controlada com uso de medicamentos e alguns cuidados. Para isso, é recomendado manter uma alimentação rica em fibras, legumes, verduras e frutas, ingerindo alimentos integrais, que além de serem aliadas ao bom funcionamento do intestino, também auxiliam no controle da glicose. Tais medidas visam não só o controle da enfermidade, mas também evitam as complicações da doença.

Prevenção

Para prevenir a doença, o médico Jorge Faro aconselha a prática regular de atividade física, como: caminhada, dança, hidroginástica, natação, corrida, ciclismo e outros exercícios. O profissional recomenda a ingestão de alimentos de qualidade e em quantidades adequadas, dando preferência aos in natura. Auditor médico do Iasep, ele alerta sobre a importância de realizar exames regularmente, tais como os de glicemia (glicose no sangue) e outros exames para avaliar a presença de alterações oftalmológicas; a pesquisa da função renal, exames cardiológicos, dermatológicos, neurológicos e angiológicos, principalmente se alguém da família tem a doença.

Serviço:
Consultas médicas pelo Iasep devem ser agendadas diretamente na rede credenciada, conforme os serviços no Guia Médico do Instituto, disponível no site (www.iasep.pa.gov.br)

Colaboração: Deliane Lima

3 recommended
comments icon 0 comments
0 notas
Visto 27
bookmark icon

Escreva um comentário...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *