Mangueirinho recebe 6º Open Internacional de Jiu Jitsu


A Arena Guilherme Paraense – Mangueirinho irá sediar pela primeira vez uma competição internacional de jiu itsu. O ginásio poliesportivo receberá, no dia 29 de outubro, o 6º Open Internacional de Jiu Jitsu. O evento deve reunir 2.500 atletas brasileiros e dez atletas internacionais convidados. A inscrição será mediante a doação de uma cesta básica, e já pode ser feita pelo site fnbjj.net

“O evento possui um nível alto de atletas. Essa competição é também mais uma oportunidade de vitrine para os atletas paraenses. A modalidade só tem a ganhar”, apontou Jo Bill, atleta do programa Bolsa Talento que irá participar do evento.

Por ser um evento internacional e fazer parte do calendário da Confederação Brasileira de Jiu Jitsu Esportivo (CBJJE), os atletas com os melhores resultados podem pleitear programas de incentivo ao atleta. “O Open é uma grande oportunidade para os atletas da região buscarem melhores colocações no ranking e também de lutarem por mais incentivos. Com o nível de atleta que irá participar, o evento se tornará um ambiente ótimo para trocas de experiência”, afirmou Frontin Cunha, presidente da Federação Nipo-Brasileira de Jiu-Jitsu (FNBJJ), que organiza o evento.

O 6º Open Internacional de Jiu Jitsu terá o apoio da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel). A competição também é classificatória para o Mundial de 2018. Atletas da faixa branca até coral poderão competir nas categorias pré-mirim (5 a 7 anos) a máster 4 (55 a 65 anos).

Evento solidário

O diferencial desta edição é a preocupação com as pessoas carentes. A entrada do público será mediante a doação de alimentos não perecíveis, assim como a inscrição dos atletas. Foi escolha da Federação e da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer tornar o evento um gesto de doação. Os alimentos arrecadados serão destinados ao projeto Natal D’Água, também do Governo do Pará. 

“O esporte é também cidadania, e enfatizar isso em uma grande competição no nosso Estado é uma oportunidade para reforçar com a sociedade. Espero que a gente consiga arrecadar uma boa quantidade de alimentos para ajudar quem mais precisa”, declarou Renilce Nicodemos.




comments icon 0 comments
0 notas
Visto 34
bookmark icon

Escreva um comentário...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *