Seduc inicia aulões do Enem nas Escolas do distrito de Icoaraci

1


Os estudantes que irão fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no próximo mês tiveram um sábado de muito aprendizado. A12ª Unidade Seduc na Escola, que abrange 14 instituições do distrito de Icoaraci, em Belém, iniciou neste sábado, 16, os aulões preparatórios para a prova.

A Escola Estadual de Ensino Médio Avertano Rocha foi a primeira unidade a realizar a programação, que envolve 40 professores da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e de escolas particulares, com parceria da iniciativa privada, em um esforço conjunto para ampliar o nível de conhecimento dos estudantes concluintes do ensino médio daquele distrito.

A programação inicial ocorreu de 8h às 12h,  na sede do Clube Esteirão, na praça Matriz de Icoaraci, e envolveu cerca de 200 alunos que tiveram aulas de Química, História, Geografia e Matemática.

Segundo o professor Wellington Melo, o projeto Cultura Enem, como é denominado no Avertano Rocha, é desenvolvido há cerca de quatro anos na escola com excelentes resultados. “Ano passado aumentamos a participação dos alunos no Enem para 98% dos concluintes do ensino médio, com um nível de aprovação no exame de mais de 80%. Um número elevado, que pretendemos aumentar ainda mais este ano”, disse o professor.

A aula inicial foi do professor de Química, Eduardo Bechara, concursado há 11 anos da Seduc e ex-aluno da rede pública estadual. “Dedicar meus finais de semana ao projeto do Enem é uma forma de retribuir à sociedade a oportunidade que tive também como aluno de escola pública, de trilhar o caminho do conhecimento, pois concluir meu ensino médio na Escola Souza Franco e a formação que tive lá garantiu o ingresso no ensino superior e hoje sou aluno de doutorado, também em instituição pública de ensino, a Universidade Federal do Pará”, disse.

A tradicional Escola Avertano Rocha tem 2.885 alunos matriculados em três turnos, inclusive com turmas do 1º ano em tempo integral. Tem um projeto pedagógico forte na área de produção do conhecimento. Segundo o diretor da Escola, Adaelson Santos, dentro desta estratégia, no dia 14 foi realizado o Café Filosófico, para debater questões voltadas para os Direitos Humanos, com adesão de quase 100% dos alunos, em um dia em que alguns dos servidores da educação haviam decidido paralisar suas atividades.

As irmãs Lorena e Lívia Martins acordaram cedo no sábado para não perder a aula. Para elas, o envolvimento nos projetos pedagógicos da escola faz toda a diferença no momento dos alunos se submeterem a qualquer avaliação, como o Enem ou concursos públicos. “As aulas são muito proveitosas e dá para aprender muito”, frisou Lorena Martins.

A gestora da 12ª USE, Aline Pinheiro, disse que todas as escolas estaduais de Icoaraci com turmas concluintes do ensino médio integrarão o projeto do Enem. O próximo aulão será no dia 30 deste mês, para os alunos da Escola Marta Conceição, em Cotijuba, região das Ilhas de Belém.




comments icon 0 comments
0 notas
Visto 41
bookmark icon

Escreva um comentário...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *