Seseg entrega mais de 170 radiotransmissores aos municípios de Itaboraí, Mangaratiba, Nilópolis e Nova Iguaçu

3


Notícias

Seseg entrega mais de 170 radiotransmissores aos municípios de Itaboraí, Mangaratiba, Nilópolis e Nova Iguaçu

 11/10/2017 – 16:57h – Atualizado em 11/10/2017 – 16:58h

O subsecretário de Comando e Controle da Secretaria de Estado de Segurança (Seseg), Rodrigo Alves, e o superintendente de Comunicações Críticas Alexandre Corval, fizeram ontem (10/10), a entrega de mais de 170 radiotransmissores para quatro prefeituras: Itaboraí, Mangaratiba, Nilópolis e Nova Iguaçu. Com isso, 17 prefeituras passam a ser integradas através de radiotransmissores ao Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na Cidade Nova. Estiveram presentes à solenidade, no auditório do CICC, o subsecretário de Segurança de Nova Iguaçu, Djalma Beltrami, o Secretário de Segurança de Nilópolis, José Macedo, o secretário de Segurança e Defesa Civil de Itaboraí, Luiz Alberto Mendonça e o secretário adjunto de Segurança, Trânsito e Ordem Pública de Mangaratiba, Lauro Tenório, além de várias autoridades dos quatro municípios.

Adquiridos e utilizados durante os Jogos Rio 2016, os rádios são um importante legado e permitem a comunicação com outros órgãos de segurança, beneficiando diretamente a população dessas áreas.
O subsecretário de Comando e Controle, Rodrigo Alves, explicou essa integração:

” Através da rede, nós temos a oportunidade de disponibilizar aos senhores o monitoramento do efetivo que tiver portando esses aparelhos. Eles são georreferenciados, isso significa que quando um planejamento for feito é possível que se acompanhe se o planejado está sendo cumprido.
É uma oportunidade também de estabelecer uma rápida atuação entre os representantes e as polícias.”-afirmou o subsecretário.

O superintendente de Comunicações Críticas, Alexandre Corval, destacou a importância dos aparelhos:

“ Esses municípios tem a possibilidade de ter uma rede digital, uma rede segura, que não pode ser ouvida porque ela é encriptada. Onde o rádio não pode ser clonado, porque ele é autenticado.
E que pode garantir a comunicação oportuna para o agente que está no terreno poder atuar. Além dos grupos que cada prefeitura vai construir, todos os rádios vem acompanhados de grupos de comunicação de todas as forças que operam na rede.- disse ele

Para o subsecretário de Segurança Nova Iguaçú, Djalma Beltrami, a entrega dos radiotransmissores é mais um elo entre as Forças Municipais, Estaduais e Federais de Segurança Pública. E um serviço muito importante para os municípios.

O secretário de Segurança de Nilópolis, José Macedo, destacou que o município faz divisa com muitos outros e que os rádios, unificando a comunicação, permitem que a população receba um serviço ainda mais eficiente.

O secretário adjunto de Segurança, Trânsito e Ordem Pública de Mangaratiba, Lauro Tenório, agradeceu a oportunidade de participar do evento e destacou
que esse foi o pontapé para vários outros projetos que ainda estão por vir.

Para o secretário de Segurança e Defesa Civil de Itaboraí, Luiz Alberto Mendonça, as Forças de Segurança municipais estão em crescimento e os radiotransmissores vão ser fundamentais no patrulhamento.

Desde o primeiro semestre, a superintendência de Comunicações Críticas (SSCRIT) da subsecretaria de Comando e Controle (SSCC) vem fazendo a entrega dos radiotransmissores em todas as regiões do Estado. As prefeituras de Niterói e São Gonçalo foram as primeiras a serem beneficiadas. Em seguida, foram alinhados convênios com os municípios do Médio Paraíba (Piraí, Barra do Piraí,Volta Redonda, Barra Mansa, Quatis, Porto Real, Resende e Itatiaia), assim como da Região Centro-Sul Fluminense (Valença e Paraíba do Sul) e outros municípios do estado e Baixada Fluminense, totalizando 29 acordos de cooperação firmados. Do total de 12 mil aparelhos, cinco mil haviam sido cedidos pelo Estado inicialmente para a organização dos Jogos Rio 2016. Eles foram vistoriados e reconfigurados pela superintendência. Sete mil aparelhos já haviam sido incorporados à Polícia Militar e outros dois mil à Polícia Civil, enquanto duzentos estão em uso pela Secretaria de Segurança. Outros 300 foram entregues à Secretaria de Estado de Administração Penitenciária.Os 12 mil novos aparelhos são mais resistentes, inclusive à água, e contam com sistema digital no padrão TETRA criptografado, que garante a rápida resposta e comunicação segura entre as equipes operacionais espalhadas por todo Estado e o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). Além da alta qualidade de som, os aparelhos permitem o monitoramento por GPS – com localização das equipes em campo por mapas digitais e identificação rápida do atendimento mais próximo da ocorrência – e longa autonomia da bateria. A tela dos novos aparelhos foi aprimorada e permite o envio de mensagens curtas, estilo SMS. Entre os acessórios, o rádio dispõe de sistema PTT (push to talk / aperte para falar) de lapela acoplado e fone de ouvido, itens que facilitam o uso. 




comments icon 0 comments
0 notas
Visto 48
bookmark icon

Escreva um comentário...

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *